Assisão, Cabras de Lampião marcam o 1º dia do Seminário da Conexão.PE

Assisão e seus 55 anos de Forró abrilhantaram a noite com sua aula espetáculo

A Capital do Xaxado recebe o primeiro Seminário dos Pontos de Cultura de Pernambuco. A programação teve início na noite desta sexta-feira (20/04), no Museu do Cangaço, Serra Talhada (PE). Entre os pontos de cultura presentes: Pontão de Cultura Digital iTEIA, Produtora Colaborativa.PE, Coco de Umbigaba, Cine de Rua, Cinema de Animação, Célio Turino (Criador do Programa Cultura Viva e Historiador), artistas, projetos sociais e personagens políticos locais.

Este seminário é a culminância de um projeto contemplado no edital de Redes do Ministério da Cultura. Até chegar aqui, foram várias atividades formativas e intercâmbios culturais. Mais precisamente: 6 meses de intercâmbio e troca de saberes. 9 Oficinas nas 4 macrorregiões do estado. Mais de 150 crianças, jovens e adultos se conectaram a novos conhecimentos. Surgiram novas articulações entre os grupos artístico, as associações e os museus da rede. Na mesma ocasião foi lançada a Revista CONEXÃO.PE na qual consta um apanhado histórico, serviços e área de atuação de todos os pontos de cultura que participaram do projeto.

A programação é gratuita e continua no sábado com Painel Viva Cultura Viva, participaram da mesa:

Mãe Beth de Oxum (Ialorixá, Ponto de Cultura Coco de Umbigada e Conselho Estadual de Políticas Cultura), Célio Turino (Criador do Programa Cultura Viva e Historiador), Alexandre Santini (Gestor Cultural, Dramaturgo e Escritor). Haverá também a apresentação Cultural do Ponto de Cultura Bacamarte Tiro da Paz, Mostra de Cinema de Animação do Mestre Lula Gonzaga, lançamento do livro Cultura Viva Comunitária: Políticas Culturais no Brasil e na América Latina, de Alexandre Santini e para fechar com muito coco, o show do Ponto de Cultura Coco de Umbigada.

Produtora Colaborativa.PE é um dos pontos de cultura que atuou na formação da Rede – Foto: Sandro Barros / Pontão iTEIA

 

Assisão colocou todo mundo para dançar e conhecer sua trajetória de 55 anos de Forró – Foto: Sandro Barros / Pontão iTEIA

Sandro Barros

Jornalista, Fotógrafo, Produtor Cultural e amante da cultura popular e tradicional do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *